Qual cor escolher para pintar meus ambientes internos?

Qual cor escolher para pintar meus ambientes internos, e quais são essas etapas? Cinzas, beges, coloridos... são tantas opções e possibilidades que ficamos confusos, vem com a gente que vamos te ajudar.

12-11-2020 | Arquitetura | Escrito por: Emerson Moro Coelho

Qual cor escolher para pintar meus ambientes internos?

Hoje aqui no BLOGDECASANOVA vamos falar sobre um assunto polêmico! Qual cor escolher para pintar meus ambientes internos?  Este é o nosso segundo post e não é direcionado a custos mais sim tintas e identidade.

 

A variedade de tintas para uso interno no mercado é imensa, por isso é importante observar de início, o uso do ambiente a ser pintado e a parede onde a tinta será aplicada. Vamos pegar como exemplo a sala de estar/TV, no dia a dia ela é um dos ambientes mais utilizados por todos na casa, é um ambiente social, neste caso a cor das paredes tende a ser neutra destacando as decorações que darão personalidade ao ambiente, esses tons proporcionam sensação de calma e sofisticação ao seu ambiente.

Trocar a cor do seu ambiente é uma das formas mais fáceis de transformar qualquer espaço de sua casa ou apartamento, as cores claras dão a sensação de amplitude enquanto as cores fortes nos proporcionam sentimentos variados. Um dos principais benefícios dos tons claros como o branco é que eles combinam com facilidade com outras cores. Além disso, são ótimos para compor com objetos decorativos de cores vibrantes.

 

Foto: MCA Estúdio (Casa de Valentina)

 

Agora vamos há algumas dicas de cores neutras.

 

Branco: o branco é uma das cores mais tradicionais no mercado, ele da sensação de amplitude e também combina naturalmente com os elementos do projeto e com outras cores. Indicado também para ambientes pequenos e de pouca luminosidade.

 

Foto: Renato Navarro (Casa100)

 

Cinza: quem nunca ouviu falar que o cinza é o novo preto? A cor cinza transmite sofisticação e elegância, é usado em todos os tipos de ambientes mais se sobressai em ambientes grandes e combina com cores fortes e decorações vibrantes. Sua versatilidade está também relacionada aos seus vários tons, entre eles: cinza claro, cinzo escuro, cinza azulado, cinza chumbo, cinza grafite entre outros, o que proporciona composições inteiramente cinzas com pontos de destaque em outras cores ou texturas, por isso a cor cinza está também relacionada à eficiência.

 

Foto: Christian Maldonado (Casa Vogue)

 

Verde militar: a cor verde-escura, musgo ou militar combina com várias outras cores além de ter um tom charmoso de verde que nos relembra a natureza e cria um toque de sofisticação para o ambiente quando associado a outras texturas, principalmente as mais naturais como laminas de madeira natural e pedras. Lembrando que por ser um tom mais marcante ele deve ser ponderado, pode ser usado como uma parede de destaque ou uma meia parede por exemplo.

 

Foto: Suelen Martins Coelho

 

Off White: as cores off white apresentam diferentes tonalidades, mais serão sempre aquelas cores que variam entre o branco e o bege. Aqui vamos falar de duas delas, a cor bege clara e a bege escuro. A cor bege claro é excelente para espaços pequenos, assim como o branco a cor bege claro também proporciona a sensação de um ambiente mais amplo e iluminado, se você tem medo de errar na cor essa é a sua cor. Já a cor bege escuro causa ao ambiente uma sensação de espaço um pouco mais pesado, é indicado para ambientes de trabalho ou de bancada de estudos, por exemplo, que devem ser neutros porem não muito claros devido a sujeira ou o contato dos pés com a parede.

 

Foto: Suelen Martins Coelho

 

Azul: a cor azul lembra a cor do mar e do céu, muito usada em quartos de crianças, ambientes lúdicos ou praianos, pois proporciona mesma sensação de calmaria e paz relacionado à lembrança do céu e mar. A nuance de cores entre o azul claro e o escuro nos permite desde pintar um ambiente inteiro a escolher uma parede de destaque.

 

Foto: Acervo Pinterest (followthecolours)

 

Vermelho: o vermelho é uma cor quente e é relacionado a emoções intensas, quase sempre é uma cor dominante, e por isso tem que ser usada com moderação. Nossa dica aqui é para destaque à decoração, almofadas, adornos e até tapetes, os ambientes devem ter personalidade e se você ama vermelho por que não? Fique atento a composição, se não quer errar opte pelos off White na composição, cores quentes se relacionam bem com beges.

 

Fotos: Suelen Martins Coelho

 

Amarela: amarelo significa alegria, calor, amplitude, e a cor amarela também tem a função de dar mais vida a sua casa por proporcionar luminosidade sendo sempre relacionado ao sol. Os amarelos vibrantes podem ser usados para dar destaque a um ambiente na decoração por exemplo, enquanto que os tons mais claros se relacionam bem com salas de estudos e quantos infantis. Mais tome muito cuidado com o amarelo, ele costuma ser conhecido como uma cor fácil de cansar.

Foto: Acervo Pinterest (arkpad)

 

Essas foram algumas dicas de cores para usarmos em ambientes internos, se você tem alguma dúvida ou se esquecemos de alguma cor importante deixe nos comentários. Convidamos a todos para entrar em nosso site, ver nossos projetos e consultorias, se você ainda ficou inseguro e precisa de auxílio de um profissional não deixe de fazer seu orçamento, é fácil, rápido e sem custo, você só precisa seguir o passo a passo em nossa página principal, que auxiliaremos você a realizar seu sonho de estar DECASANOVA.

 

Gostou? Compartilhe:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Pinterest
  • Compartilhar por Whatsapp
Whatsapp